Saber receber: a arte de valorizar o que a vida traz

Tanto a vida quanto as pessoas que nos rodeiam têm muito para nos oferecer, mas devemos saber aceitar as coisas que surgem, para que nem o orgulho nem a falta de gratidão nos impeçam de apreciá-las. Para isso, oferecemos algumas dicas para saber receber, uma atitude que quase sempre é tão importante quanto saber dar.
Saber receber: a arte de valorizar o que a vida traz

Última atualização: 04 Julho, 2021

Cada relacionamento é um universo com suas próprias regras. Seja para o bem ou para o mal, todos eles têm algo a contribuir. O importante é saber receber o aprendizado que eles podem nos oferecer e, quando possível, alimentá-los para que joguem a nosso favor.

Claro que, para isso, saber dar é tão importante quanto saber receber, principalmente se quisermos nos relacionar com os outros e ter uma existência mais harmoniosa.

Não se trata de se doar para receber algo em troca, mas sim de, quando os frutos chegarem, mesmo que não tenhamos tido a intenção, saber valorizá-los e aceitá-los com amor. Ao mesmo tempo que dar é uma demonstração de generosidade, receber também pode ser sinônimo de um espírito nobre.

Saber receber é algo a que muitas vezes não nos atentamos, por mais que seja fundamental acolher com apreço o que nos dão. Por esta razão, convidamos você a mergulhar nesta arte maravilhosa através da compreensão, da abertura e da gratidão.

Saber receber é aceitar com amor o que a vida nos traz, valorizando cada detalhe.

Mãos segurando coração

A compreensão é a chave para saber receber

Em primeiro lugar, a compreensão é fundamental se quisermos receber corretamente. Trata-se de percebermos o que acontece no ato da recepção para podermos descobrir o seu significado. Isso é, entender para quê, ou por quê, uma coisa ou outra vem até nós. Se for uma coisa ruim, pode ser um motivo para aprender e progredir. Se for uma coisa boa, podemos assimilar que a merecemos e, assim, reforçar a nossa autoestima.

Muitas vezes vestimos uma grande armadura que faz com que toda demonstração de afeto vá embora de nós. Às vezes não acreditamos que merecemos estas demonstrações de afeto. Portanto, neste tipo de situação, é difícil recebermos de forma livre, aberta e despreocupada.

O que não sabemos é que, ao negarmos essa possibilidade de receber, estamos transmitindo a mensagem errada: os outros podem entender que não precisamos das suas ofertas e que desvalorizamos o seu esforço.

É importante entendermos que a presença dos outros é vital e que, quando nos dão a mão, isso pode ser algo valioso. Em relação a isso, saber receber também significa aceitarmos ajuda quando precisarmos.

Agora, para alcançar uma compreensão completa do processo de dar e receber, devemos viajar profundamente dentro de nós mesmos para explorar e nos conhecermos melhor. O autoconhecimento pode nos ajudar a entender por que é tão difícil para nós receber ou por que às vezes recebemos com desdém.

Por meio do autoconhecimento, podemos ter um maior controle sobre nossos pensamentos, sentimentos e comportamentos, o que nos ajuda na jornada em direção à poderosa arte de saber receber.

Abertura

Outra chave para saber como receber é a abertura. Ela consiste em estarmos dispostos a aceitar o que a vida nos traz, sem qualquer imposição. Se não estamos abertos, não podemos dar espaço a nada nem a ninguém, o que implicaria nos fecharmos ao mundo e não abrirmos espaço para o que os outros podem nos dar ou o que a vida pode nos trazer.

No entanto, estar aberto não significa aceitar tudo, mas sim não nos fecharmos de imediato para o que está por vir, dentro de alguns limites claros.

Se abrir também significa colocar as lentes do pessimismo de lado e nos permitir explorar novos caminhos. Isso porque, se formos mais positivos e livres diante da vida, estaremos mais preparados para receber sem nos prejudicarmos no processo.

Gratidão

A gratidão também é um fator importante para aprendermos a receber. Trata-se de reconhecer, com gratidão, o que a vida nos traz ou o que os outros fazem por nós. É uma forma de reconhecer que o que chega nos ensina a superar os obstáculos ou nos incita a celebrar.

Gratidão também significa receber com humildade, encontrar satisfação no que temos e no que os outros nos dão. Para isso, basta olhar à nossa volta: às vezes acreditamos que não temos nada, mas na realidade temos muitas coisas. O que acontece é que deixamos de valorizá-las.

Por outro lado, embora seja mais fácil agradecer quando tudo está bem, é fundamental não esquecer que também podemos agradecer quando a vida não vai tão bem. Porque é nessas circunstâncias que podemos aprender com as decisões que tomamos.

Gratidão

Deixando o orgulho de lado

Colocar o orgulho de lado é outra chave para aprender a receber. O orgulho nos afasta dessa habilidade. Para evitar que isso aconteça, podemos começar reconhecendo que não somos o centro do mundo e que é normal, em certos momentos, precisarmos dos outros.

Não somos infalíveis e somos capazes de cometer erros. Assim como nós, os outros podem fazer isso também. É normal se sentir infeliz quando alguém nos decepciona, mas podemos dar-lhes outra chance, assim como esperamos que eles nos dêem.

O orgulho é um mecanismo de defesa que nos distancia dos outros e nasce do medo de admitir nossos erros. Além disso, ter orgulho e buscar a perfeição pode nos causar estresse. Na verdade, um estudo da Universidade Nacional Autônoma do México mostra que o estresse desse tipo é um importante fator de risco para a saúde.

Por tudo isso, podemos nos esforçar para agradecer de coração e, assim, evitar que o orgulho seja um obstáculo para a gratidão. Porque se formos capazes de mostrar compreensão, perceberemos mais facilmente o significado do que aparece em nossas vidas. Assim, aprenderemos a receber melhor e estaremos preparados para fazer isso com mais frequência.

Como podemos ver, saber receber nos torna mais humanos, pois reconhecemos e valorizamos nos outros o ato de doar. Por isso, é importante estarmos atentos aos detalhes das pessoas que nos rodeiam, porque observá-las com atenção nos ajudará a valorizar verdadeiramente o que nós já temos e a receber, da melhor forma, o que ainda está por vir.

O mundo está cheio de pequenas alegrias, saber recebê-las é uma grande arte.

Pode interessar a você...
Dar sem receber algo em troca nem sempre é algo positivo
A mente é maravilhosaLeia em A mente é maravilhosa
Dar sem receber algo em troca nem sempre é algo positivo

Dar constantemente sem receber nada em troca pode provocar um grande desgaste em todos os níveis, e isso não será algo positivo para o seu bem-esta...



  • Amador, P. (2009). Autocoaching, cómo conseguir lo mejor de uno mismo. Buenos Aires: Ed. Gran Aldea Editores.