5 sinais de problemas de saúde mental que você não conhecia

A saúde mental deficiente nem sempre se manifesta de forma clara e visível. Existem indicadores menos óbvios que também podem agir como sinais.
5 sinais de problemas de saúde mental que você não conhecia

Última atualização: 19 Setembro, 2021

A saúde mental não é uma dicotomia. A questão vai além de ser saudável ou doente; existe toda uma gama de possibilidades entre o bem-estar absoluto e a doença em que as pessoas podem se colocar. Hoje, vamos falar sobre alguns sinais de problemas de saúde mental que você provavelmente não conhece.

Podemos chegar a apresentar alguns sintomas que pioram nossa qualidade de vida sem que estes constituam um distúrbio psicológico. A atenção a esses sinais é essencial para cuidar de nós mesmos.

Todos nós temos áreas para melhorar, é verdade. Não existe um ser humano perfeito e sempre podemos trabalhar em nós mesmos para sermos mais felizes e funcionais.

Sinais de problemas de saúde mental que você não deve ignorar

Às vezes, algumas dificuldades atrapalham o nosso bem-estar e, por estarmos tão focados na rotina e nas obrigações, acabamos normalizando-as. Por esse motivo, hoje mostramos algumas pistas importantes que você pode ter esquecido de analisar.

1. Procrastinação

Você já ouviu o ditado “Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje”? Pois bem, para quem procrastina, seria justamente o contrário: “Não faça agora o que você pode deixar para depois”. A procrastinação consiste em adiar tarefas e obrigações pendentes e dedicar tempo a qualquer outra atividade mais agradável, mas desnecessária.

Numa análise superficial, poderíamos atribuí-la à preguiça ou falta de vontade, mas geralmente ocorre devido à insegurança e ao perfeccionismo. Quando as tarefas são percebidas como muito complicadas, quando a pessoa não se sente capaz de completá-las ou chega ao limite da autoexigência, pode optar por adiá-las. Portanto, se você tem tendência a procrastinar, talvez precise melhorar a sua rigidez mental.

Menina procrastinando

2. Bagunça e desorganização

Existem alguns autores que defendem que um certo nível de bagunça promove a criatividade. No entanto, em muitos casos também parece que essa falta de ordem nos espaços físicos, quando se torna pronunciada, é um reflexo do mesmo problema no espaço mental.

Foi demonstrado que as pessoas bagunceiras estão mais insatisfeitas com suas vidas e são menos produtivas. Além disso, essa desorganização pode levar à ansiedade, falta de concentração e distúrbios do sono, principalmente se ocorrer no quarto ou em ambientes de trabalho.

Se você quiser conhecer o estado da sua mente, dê uma olhada ao seu redor. Esse caos externo pode ser um sinal da sua turbulência interna e falta de direção.

3. Sintomas físicos

Às vezes esquecemos que a mente e o corpo estão profundamente conectados. Muitas vezes, os sintomas físicos podem ser um sinal de saúde mental deficiente.

Existem múltiplas condições mais ou menos diretamente relacionadas ao estado emocional, que surgem ou são exacerbadas pelo estado interno de estresse, nervosismo ou conflito. Entre as mais comuns estão as seguintes:

  • Problemas gastrointestinais.
  • Enxaqueca e dores de cabeça.
  • Coceira, dermatite e outras doenças de pele.
  • Fibromialgia e fadiga crônica.
  • Bruxismo e dores musculares.

Em alguns casos, existem causas orgânicas que dão origem a esses sintomas e, em outros casos, eles são derivados diretamente do desconforto psicológico. Portanto, é importante consultar um médico e fazer os exames pertinentes em todos os casos. Vários tratamentos psicológicos têm se mostrado eficazes na redução da dor e do desconforto em muitas dessas condições.

4. Cansaço

A fadiga é uma manifestação subjetiva e ambígua que pode ter uma infinidade de causas. No entanto, quando é prolongada e persistente, e não é derivada de doença física ou atividade excessiva, pode ser uma indicação de saúde mental deficiente.

Geralmente associamos fadiga com depressão e outros transtornos afetivos. Na verdade, a sensação de cansaço, apatia e falta de vontade é uma das manifestações mais claras nestes casos. No entanto, isso também pode ser resultado de um alto nível de ansiedade.

O nosso organismo não foi projetado para permanecer em alerta constante; os processos de ativação fisiológica e mental que se desencadeiam e se prolongam acabam nos esgotando e nos deixando exaustos. Portanto, se você se sente constantemente cansado, não se esqueça de que seu estado psicológico pode estar relacionado ao que acontece com você.

5. Conflitos frequentes

Finalmente, alguns sinais importantes de saúde mental deficiente podem ser encontrados analisando como a pessoa se relaciona com os outros. Se você tem conflitos constantes, com pessoas diferentes e em áreas diferentes, provavelmente há um motivo subjacente.

A irritabilidade costuma ser a máscara da tristeza, do medo ou da insatisfação; portanto, sua suscetibilidade pode ser devido a feridas internas que precisam ser curadas.

Claro, pode haver outros motivos que levam a divergências e discussões, como a falta de assertividade ou habilidades sociais. No entanto, quando um trabalho interno não foi feito, as pessoas podem interpretar mal os comentários e atitudes dos demais com base em suas questões pendentes.

Homem discutindo com a esposa

Os problemas de saúde mental podem ter muitas faces

Quando pensamos nos sinais de problemas de saúde mental, tendemos a imaginar uma pessoa triste, angustiada ou fora de controle. No entanto, às vezes eles são mais sutis. Aspectos como o ambiente que nos rodeia, as relações que mantemos e as sensações corporais podem ser indícios de que algo não está bem. Afinal, a saúde é um conceito global que permeia todas as áreas das nossas vidas.

Portanto, se você se sente identificado com algum dos pontos anteriores, não perca a oportunidade de analisar o que está acontecendo e como você pode melhorar a sua situação. Acima de tudo, lembre-se de que existem profissionais capacitados para auxiliá-lo nesse processo.

Pode interessar a você...
Como saber se a sua saúde mental piorou?
A mente é maravilhosa
Leia em A mente é maravilhosa
Como saber se a sua saúde mental piorou?

Como saber se a sua saúde mental piorou? Diferentemente do que podemos pensar, não é fácil detectar que há algo de errado com nós mesmos.



  • Vohs, K. D., Redden, J. P., & Rahinel, R. (2013). Physical order produces healthy choices, generosity, and conventionality, whereas disorder produces creativity. Psychological Science24(9), 1860-1867.
  • Roster, C. A., Ferrari, J. R., & Jurkat, M. P. (2016). The dark side of home: Assessing possession ‘clutter’on subjective well-being. Journal of Environmental Psychology46, 32-41.
  • González Ramírez, M. T., & Hernández, R. L. (2006). Síntomas psicosomáticos y teoría transaccional del estrés. Ansiedad y estrés, 12(1).