Sinestesia, quando os sentimentos ganham cores

Sinestesia, quando os sentimentos ganham cores

17, maio 2015 em Psicologia 1982 Compartilhados
sinestesia

“As letras e os números tem cores específicas. O “1” é vermelho, o “2” é azul, a letra “A” é marrom, a letra “B” é laranja… e assim é com todas as letras e números. Além disso, quando vou a um show, cada melodia desprende um aroma muito peculiar. E quando toco as texturas de um jardim, as rosas soam de uma forma especial, as folhas verdes são mais estridentes e a rugosidade de alguns troncos das árvores parece música clássica. Há palavras doces, amargas ou salgadas. Eu achava que todo mundo percebia essas sensações peculiares, até que descobri que só algumas poucas pessoas, como eu, eram sinestésicas”.

A sinestesia é um fenômeno de caráter neurofisiológico que supõe a interferência de vários estímulos sensitivos, procedentes de vários sentidos diferentes, mas também relacionados entre si. Por exemplo, as pessoas sinestésicas podem cheirar cores, ver música, escutar texturas… trata-se de uma ativação cruzada de áreas adjacentes do cérebro que processam diferentes informações sensoriais.

Apesar de ter efeitos similares a alguns transtornos de caráter psicológico, como as alucinações ou os estados alterados de consciência, a sinestesia tem os seus próprios critérios diagnósticos que a diferenciam. Uma alucinação é uma pseudo-percepção, já que não corresponde a nenhum estímulo físico externo, ainda que a pessoa a sinta de forma real.

A percepção sinestésica é involuntária e automática, diferentemente dos estados alterados da consciência. O sinestésico não pode controlar as associações e ativações das diferentes informações sensoriais. Não possuem o controle para criá-la, nem para suprimi-la. Esse tipo de percepção também tem a característica de ser consistente no tempo e duradoura, uma diferença importante diante dos processos de memorização. Além disso, as percepções sinestésicas, sendo mais frequentes em mulheres que em homens, costumam estar acompanhadas de emoções relacionadas à experiência sensorial concreta que vivem. As pessoas que vivem esse tipo de percepção costumam ser muito criativas e com um maior potencial musical.

Tipos de sinestesia

Léxico – sentido do gosto. Pronunciar uma palavra introduz uma sensação involuntária de gosto.

Grafema – visão – cor. Associação de signos, letras ou números com cores.

Música – vista – cor. Escutar música provoca a visão de cores.

A primeira menção desse fenômeno se referiu ao autismo. O efeito de algumas drogas psicodélicas provoca percepções sinestésicas, e esse tipo de percepção também aparece em alguns tipos de epilepsia. Quando algum dos sentidos estiver danificado, também poderá ocorrer o fenômeno sinestésico.