7 ideias que é preciso conseguir abandonar para ser feliz

7 ideias que é preciso abandonar para ser feliz

dezembro 11, 2016 em Psicologia 1223 Compartilhados
7 ideias que é preciso abandonar para ser feliz

Alcançar a felicidade é um traço comum que nos define como seres humanos. Contudo, é comum se deparar com um inimigo que se interpõe no caminho para ser feliz: nós mesmos; por causa das limitações que nos colocamos, com ou sem intenção.

Muitas pessoas se agarram a certas ideias com a segurança de que isto é o que precisam para ser feliz, quando na verdade apenas restringem a sua capacidade de alcançar a verdadeira felicidade. Na verdade, o primeiro problema é a definição do que é “ser feliz”, já que, assim como descreveu James E. Talmage, um dos maiores problemas que o homem atual tem é reconhecer a diferença entre felicidade e prazer.

“A felicidade nem sempre requer sucesso, prosperidade ou conquistas especiais; muitas vezes vem do gozo do esforço animador, da dedicação de nossas próprias energias para um fim justo. A raiz da verdadeira felicidade está plantada na abnegação, e a sua flor é o ‘amor’.”
-William George Jordan-

Soltar as correntes para poder ser feliz

Considerando a forma de vida atual, ser feliz não implica fazer mais ou conseguir mais. Na verdade, é preciso soltar, deixar de fazer e esquecer certas regras de comportamento. Na era das liberdades continuamos amarrados a uma multidão de correntes invisíveis que não nos permitem ser nós mesmos.

liberdade

Soltar essas correntes e deixar essas ideias partirem pode nos aproximar muito mais do que consideramos felicidade do que qualquer outra coisa. São as seguintes:

Pare de procurar a aprovação dos outros

Comece a pensar no que você espera e não dependa da opinião dos outros. Não permita que os outros manipulem as suas decisões nem organizem a sua vida. Viva segundo os seus valores. Se você depender da opinião dos outros, estará fazendo as coisas para eles, segundos os seus interesses.

Abandone a ira e o ressentimento

A ira e o ressentimento o devoram a partir do seu interior. É você quem se castiga e quem é infeliz, o que carrega o dano causado pelo outro. Aprenda a estar em paz com aqueles que machucaram você. Com o perdão, é você quem tem alívio. Aquele que o chateia é quem o controla. Recupere o controle soltando o ressentimento, perdoando.

“A vida fica mais fácil quando aprendemos a aceitar um pedido de desculpas que nunca foi dado.”
-Robert Braul-

decidi-ser-feliz

Abandone a ideia da perfeição

Almejar a perfeição em certos aspectos é muito louvável, pelo menos falando em termos espirituais. Amar e valorizar a perfeição também é uma coisa apreciável. Mas viver por e para a perfeição é uma coisa bem diferente. Pare de pensar no corpo perfeito, no companheiro perfeito, na vida perfeita, nas coisas perfeitas. A busca constante pela perfeição pode chegar a obcecá-lo e travá-lo, impedindo-o de avançar.

Abandone a ideia de riqueza e fortuna como sinônimos de felicidade

Certamente você já ouviu que o dinheiro não traz felicidade. Existem muitas pessoas que, para justificar a sua infelicidade, ainda adicionam que “talvez não, mas ajuda”. Mas na verdade, o que as faz infelizes é não terem encontrado o sentido da sua existência. Dinheiro e felicidade não têm nada a ver um com o outro. É o jeito de valorizar o que se tem e o que se vive que aproxima ou não da felicidade, tendo ou não posses.

“A riqueza de um homem não está no que possui, mas sim no que deixa após sua partida.”
-Yasmina Khadra-

Deixe de dar desculpas

Não dê desculpas. Se alguma coisa não anda bem, faça alguma coisa. Se você precisa de alguma coisa que você não tem, faça o que tiver que fazer para conseguir. Se o que você procura não está ao seu alcance, procure outra alternativa.

Pense, se você ficou com vontade de fazer alguma coisa ou de aprender algo, para que esperar para começar?! Se você não gosta de alguma coisa, mude. E se você não pode modificá-la, mude a si mesmo. Você procura resultados? Então, o que está esperando?

“Quando você disser que é tarde demais, tenha cuidado. Isso será apenas a desculpa para se render. Ninguém pode impedir o seu sucesso a não ser você mesmo.”
-Wang Deshun-

penas-tampando-rosto

Abandone a teimosia

Não seja teimoso e admita de uma vez por todas seus erros, seus pensamentos e atitudes equivocadas. Insistir não lhe dará a razão. Corrigir e admitir as suas falhas não o tornará mais fraco. Quanto menos teimoso e obstinado você for, mas aberto estará a mudanças positivas e mais flexível será para encarar os problemas.

Abandone a sua mochila emocional

Carregar sentimentos negativos de exigências do passado apenas tornará mais difícil avançar. Pare de viver no passado. Aprenda, perdoe e siga em frente para ser feliz. Carregar a dor o impedirá de ver todas as oportunidades que surgirem e o fará julgar equivocadamente as pessoas que aparecerem no seu caminho.

Recomendados para você