5 chaves para definir uma escala de prioridades que realmente te ajude

Trabalhar com uma escala de prioridades que realmente nos ajude é uma vantagem. Agora, quais elementos devemos olhar para fazê-la?
5 chaves para definir uma escala de prioridades que realmente te ajude

Última atualização: 20 junho, 2022

Definir suas prioridades é essencial para alcançar seus objetivos. Por quê? Somente se você souber distinguir o que é importante do que é acessório é que poderá concentrar e canalizar todos os seus esforços na mesma direção. Caso contrário, às vezes você pode gastar muita energia em coisas que não valem a pena.

O mundo de hoje é marcado pela dispersão. Há exigências, exigências e apelos à atenção em todas as direções. A linha que separa o profissional do pessoal, assim como a que separa o público do privado, também é mais frágil. Nessas condições, é mais difícil definir suas prioridades.

A questão é que ninguém tem vitalidade suficiente para atender a tudo, o tempo todo. Às vezes você finge que está e é quando está aqui e ali, para acabar não estando em lugar nenhum. O que você deve levar em conta para definir suas prioridades são os cinco aspectos que apresentamos a seguir.

Para mudar sua vida, você precisa mudar suas prioridades.”

-Mark Twain-

homem pensando

1. Não seja frívolo ao definir o que é prioridade e o que não é

Às vezes confundimos prioridades com o que rouba nossa atenção ou cativa nosso desejo. É possível que em determinado momento você sinta uma atração irresistível por adquirir um belo carro que viu em uma vitrine. Você também pode fazer disso uma prioridade, mas é realmente?

O exemplo do carro se aplica a inúmeras situações. Às vezes somos como crianças caprichosas que se deixam levar pelos impulsos e confundem o que é importante com o que é atraente. Um primeiro passo para definir suas prioridades é fazê-lo a partir de uma análise serena e não de repente e sem pensar.

2. Reduzir a lista, uma forma de definir suas prioridades

É muito comum que tudo nos pareça importante em determinado momento. A fantasia de que com um pouco de organização podemos atingir mil objetivos de uma só vez também é muito comum. A verdade é que não é. Quando tudo é importante, nada é importante.

Definir suas prioridades significa pensar cuidadosamente sobre os grandes objetivos que você estabeleceu para sua vida. A partir disso, você pode estabelecer um critério que permita separar o essencial do contingente. Esse exercício hierárquico é fundamental para que depois você não se disperse.

3. Especifique a prioridade, não a atividade

Outro erro comum é confundir prioridades com atividades. Por exemplo, acredita-se que a prioridade é fazer um curso de atualização no local de trabalho. Portanto, quando o curso é concluído, o objetivo prioritário é considerado alcançado. Porém, neste exemplo, a prioridade não é o curso, mas ser competente no trabalho que é feito.

Continuando com o exemplo, é possível que você faça o curso e ainda acabe sendo incompetente para o que seu trabalho exige. Uma prioridade não é uma atividade, mas um princípio orientador, associado a um objetivo central em sua vida. Leve isso em consideração ao definir suas prioridades.

4. Não apenas defina o quê, mas também o como

Definir suas prioridades não envolve apenas estabelecer o quê, mas também o como. Antes de tudo, você deve ter clareza sobre o que deseja, ou melhor, o que de tudo o que deseja é o mais importante para você. Uma vez identificado isso, você também deve elaborar um plano para alcançá-lo ou mantê-lo.

Se você não especificar a forma como a conquista do que você considera importante vai se concretizar, é bem provável que nunca se concretize. Você a terá em sua vida como um ideal que aguarda o momento certo para se tornar realidade. Se você tiver um roteiro, será muito mais fácil seguir em frente.

Mulher apontando em um notebook

5. Identifique datas e metas graduais

Uma vez que você tenha um o quê e um como, o que se segue é decompor esse “como” em ações específicas que chamamos de “objetivos”. Ou seja, progresso objetivo e verificável. Se a sua prioridade é ter mais tempo livre e você acredita que a melhor forma de conseguir isso é gerenciando melhor o seu trabalho, o melhor a fazer é ir por esse caminho aos poucos e verificar o seu progresso.

Também é muito apropriado que você estabeleça datas definidas para atingir essas metas. Caso contrário, você não terá um parâmetro razoável que permita identificar se está realmente conseguindo ou não. Além disso, isso ajuda você a organizar melhor seu progresso.

Definir suas prioridades é fundamental para gerenciar seus esforços de maneira mais inteligente. Também lhe dá maior ordem mental e facilita muitas das decisões que você deve tomar. Como diz o velho ditado: quem não sabe para onde vai, nem como vai, provavelmente vai acabar em outro lugar.

Pode interessar a você...
A maturidade nos ensina a reordenar as prioridades e colocar cada coisa em seu devido lugar
A mente é maravilhosa
Leia em A mente é maravilhosa
A maturidade nos ensina a reordenar as prioridades e colocar cada coisa em seu devido lugar

O tempo passa e inevitavelmente algumas coisas não têm mais importância nem espaço em nossas vidas. A maturidade nos ensina a reordenar as priorida...



  • Ortún-Rubio, V., Pinto-Prades, J. L., & Puig-Junoy, J. (2001). El establecimiento de prioridades. Atención Primaria, 27(9), 673.