5 curtas que nos ajudarão a compreender nossos sentimentos – A mente é maravilhosa

5 curtas que nos ajudarão a compreender nossos sentimentos

8, fevereiro 2016 em Psicologia 618 Compartilhados

Para nós é muito difícil compreender que as emoções devem ser experimentadas, compreendidas, controladas e, acima de tudo, expressadas. Geralmente, o que fazemos por convenção social é justamente o contrário: fugir delas e não compreender nossos sentimentos.

Assim, castigamos cruelmente nossa maneira de sentir, coibindo especialmente as crianças e aqueles adultos que se caracterizam por certa sensibilidade e capacidade especial em relação à demonstração de suas emoções.

Para trabalhar estes aspectos nós temos várias e maravilhosas ferramentas ao alcance de nossas mãos; entre elas, os curta metragens ou os vídeos que pretendem nos ajudar a refletir e a liberar aqueles sentimentos que não conseguimos tolerar.

O amor é uma linda casualidade

O curta metragem animado Lucky you é um claro exemplo de que o amor pode mudar tudo e que sempre chegará aquela pessoa que, com um abraço e um sorriso, recomporá cada parte ferida de nossa alma.

Valorizar a amizade, superar as diferenças e ajudar

Nem sempre é fácil superar as dificuldades e, às vezes, há diferenças que parecem não ter salvação. Este curta metragem nos dá uma grande lição sobre a amizade e a importância de permanecer ao lado daqueles que amamos e que nos amam.

Não dar tanta importância aos defeitos, tolerar aquilo que nos frustra, não julgar e não trair nossos amigos é a base de uma amizade verdadeira, capaz de resistir a cada ida e vinda, a cada adversidade que a vida apresente.
Compartilhar

As diferenças se aproximam se soubermos ouvi-las

O curta metragem “A lua” da Pixar dá muitas lições. Trabalhar em equipe e ter em conta cada ponto de vista pode ser complicado, mas se atendermos aos demais podemos conseguir coisas maravilhosas.

Do mesmo modo, este curta metragem mostra que chateando-nos só conseguimos perder a oportunidade de compartilhar belos momentos, de sentir e de desfrutar da vida.

Preste atenção à essência, não às aparências

As aparências desaparecem como a fumaça vendida pelo protagonista deste curta. Assim, fazendo referência ao provérbio popular de que “as aparências enganam”, deveríamos começar a procurar a profundidade das pessoas. O que nós mostramos pode mudar, o que nós sentimos não.

https://youtube.com/watch?v=_5NH8C8mdzU%3Ffeature%3Doembed

Nós não escutamos para compreender, escutamos para responder

Se quisermos ser ouvidos é importante que cultivemos nossa capacidade de fazê-lo. As relações requerem reciprocidade e tolerância, algo que geralmente descuidamos.

Por isso, para aprender a conviver com outras pessoas, temos que escutar sua outra verdade e não só nossa razão. A comunicação é indispensável para escutar o outro.
Compartilhar

Todos estes curtas nos ajudam não só a compreender nossos sentimentos e emoções, mas também a nos lembrar de nossos valores e a colocá-los em prática sem nos deixamos guiar por aqueles sentimentos que não nos oferecem nada de bom.

Recomendados para você