6 filmes sobre a deficiência

Segundo a OMS, 15% da população mundial sofre de algum tipo de deficiência. Neste artigo, vamos compartilhar 6 filmes sobre a deficiência que nos aproximarão de circunstâncias que estão mais perto do que imaginamos.
6 filmes sobre a deficiência

Última atualização: 16 Abril, 2021

Desde que o cinema existe, esta arte quis fazer eco a todos os tipos de problemas, situações e experiências de vida. Um deles é a situação da deficiência. Portanto, hoje vamos compartilhar seis filmes sobre a deficiência que nos farão refletir sobre seu possível impacto na vida da pessoa e no seu entorno.

Segundo dados atualizados (2020) da Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de um bilhão de pessoas sofre de algum tipo de deficiência no mundo. Isso representa 15% da população. A deficiência pode ser de diferentes tipos: sensorial, mental, intelectual ou física, e seus graus variam muito de uma pessoa para outra.

Através dos filmes que apresentaremos, vamos conhecer cada uma destas deficiências (também designadas como “diversidade funcional”).

“A deficiência não é uma luta valente ou a coragem diante da adversidade. A deficiência é uma arte. Uma maneira engenhosa de viver”.
-Neil Marcus-

Graças ao cinema obtemos histórias, algumas reais e outras não (mas que poderiam ser), de pessoas que tiveram de enfrentar, desde a mais tenra idade, condições ou situações complicadas de vida. Convidamos você a assistir a alguns dos filmes sobre deficiência que listaremos a seguir, porque todos eles carregam uma mensagem valiosa.

Intocáveis (2011), um dos filmes que nos fazem refletir sobre a deficiência

Intocáveis já é considerado um clássico dos filmes sobre a deficiência. Trata-se de um filme francês que conta a história de um milionário com tetraplegia que decide contratar uma assistente pessoal. É assim que ele conhece Driss, um imigrante de um bairro marginal que acabou de sair da prisão. Um filme cheio de humor, ironia, e muitas mensagens para refletir sobre a vida e as dificuldades.

A Teoria de Tudo (2014)

A Teoria de Tudo é um filme inglês que mostra a vida do famoso astrofísico Stephen Hawking. Com ele, fazemos uma viagem pela sua infância, adolescência e idade adulta, e aprendemos sobre o relacionamento que ele teve com sua primeira esposa, Jane.

É um filme que nos permite apreciar a luta deste grande cientista ao longo da sua vida, o seu início na pesquisa científica, as suas descobertas, e toda a força que adquiriu para enfrentar as dificuldades da sua doença, a ELA (Esclerose Lateral Amiotrófica).

Vemos também a parte menos amigável, a dos conflitos pessoais: o cientista apaixonado, mas também a pessoa que sofre com o avanço da patologia.

Campeões (2018)

Se quiser desfrutar de uma boa dose de humor e energia, você não pode deixar de assistir ao filme Campeões. Ele conta a história de Marco, um técnico de basquete da primeira divisão que perde o emprego e, de repente, se depara com a obrigação legal (devido a uma sentença) de treinar um time de meninos e meninas com deficiência intelectual.

O que começa como uma experiência frustrante para Marco acaba se tornando uma experiência inesquecível e cheia de aprendizados.

Uma Mente Brilhante (2001)

Outro dos filmes sobre a deficiência mais proeminentes é este baseado em eventos reais, que conta a vida de John Forbes, um matemático excepcional. Forbes tem esquizofrenia com um quadro psicótico muito acentuado. No entanto, isso não o impede de desenvolver sua carreira e conquistar o Prêmio Nobel. É um filme de drama norte-americano que nos deixa uma grande lição de vida.

100 metros (2016)

100 metros é um filme espanhol estrelado por Dani Rovira. Conta a história de Ramón, um pai de trinta anos cuja vida vira de cabeça para baixo quando ele é diagnosticado com esclerose múltipla. Apesar deste novo diagnóstico, Ramón decide enfrentar um novo desafio: concluir o evento esportivo mais difícil do planeta.

Com a ajuda de seu sogro resmungão, com quem no final acaba se dando bem, ele parte em uma jornada de superação pessoal100 metros é um filme cheio de emoções e, acima de tudo, com muito humor negro que vai te fazer sorrir. O mesmo sorriso é possível até nas situações mais difíceis, porque assim são os seres humanos, mágicos e contraditórios.

O Escafandro e a Borboleta (2007)

Outro dos filmes sobre a deficiência que você não pode perder é este francês inspirado num romance, em numa história real. Conta a vida de Jean Dominique, um homem que sofre um raro acidente neurológico que o deixa totalmente preso a uma cadeira de rodas.

Ele é diagnosticado com a Síndrome do Encarceramento, uma doença muito estranha e rara que o torna incapaz de mover qualquer coisa em seu corpo além das pálpebras (e às vezes nem isso). Nesse caso, Jean Dominique só consegue mover a pálpebra esquerda, mas graças a esse movimento, consegue escrever um romance.

Os filmes sobre a deficiência e a inclusão

A deficiência é uma condição que impõe condições muito particulares à pessoa que a adquire. Nesse sentido, se quisermos uma sociedade cada vez mais inclusiva, é aconselhável tornar visíveis todos os tipos de grupos, dentro e fora do cinema, e ter consciência de que todas as realidades podem contribuir e também se nutrir do coletivo.

A diversidade é fonte de riqueza para um ambiente flexível e acolhedor. O cinema é mais uma forma de se aproximar dessas realidades e se conectar com as histórias de pessoas que tiveram que enfrentar situações complicadas de vida que, em muitos casos, lhes permitiram desenvolver a resiliência.

“A deficiência não o define; o que o define é a forma como você enfrenta os desafios que a deficiência apresenta”.
-Jim Abbott-

Pode interessar a você...
8 filmes tristes e melancólicos que farão você se emocionar
A mente é maravilhosaLeia em A mente é maravilhosa
8 filmes tristes e melancólicos que farão você se emocionar

Conectar-se com o outro é uma tarefa difícil. Os filmes tristes estabelecem essa união com as pessoas e nos fazem criar empatia com os personagens.