Hatha yoga: características e benefícios

· agosto 8, 2018

Atualmente, a prática de muitos tipos de yoga está se tornando cada vez mais popular. Dependendo de quais forem os nossos objetivos ao praticar essa disciplina, devemos nos decidir por um tipo ou outro. Se seu desejo é praticar um yoga controlado, centrado na elasticidade da musculatura, o hatha yoga é para você.

Esse tipo de yoga se diferencia de outros, como o raja yoga (yoga mental) ou o karma yoga (yoga mais ativo), já que se centra na preparação do corpo antes da meditação. Seu propósito é o alongamento do corpo. Trata-se do tipo de yoga mais conhecido no ocidente e o mais praticado. Por isso, muitas vezes é considerado desvirtuado.

O que é o hatha yoga?

Esse tipo de yoga é praticado em muitas academias ou centros especializados do ocidente. Na verdade, acabou se transformando em um conjunto de alongamentos prévios ou posteriores a outro tipo de treinamento. Como todos sabemos, o yoga é uma prática religiosa oriental, que foi importada pelo ocidente com o objetivo de ser utilizado como mais uma prática esportiva.

Aula em grupo de hatha yoga

O hatha yoga conta com vários passos ou partes. A primeira delas é a parte postural, as ásanas. O resto dos passos, mais relacionados ao relaxamento e à meditação, por vezes foram deixados de lado por mestres ocidentais para dar lugar a um tipo de yoga caracterizado por posturas dinâmicas que não seguem uma sequência fixa.

As posturas do hatha yoga

As diferentes ásanas do hatha yoga costumam envolver uma certa dificuldade postural. Conseguir dominá-las depende do equilíbrio e da flexibilidade. No entanto, esse tipo de yoga não requer preparação prévia, e sua prática não está sujeita a restrições de idade, sexo ou condição física.  É por isso que se trata de uma prática muito popular.

Entre as posturas mais comuns estão aquelas mais relacionadas com a meditação, como a posição de lótus ou a postura da criança. Também existem algumas mais relacionadas a aspectos físicos, como a postura da cobra ou a postura do arco.

Posição de lótus

Essa é uma das posturas mais representativas do yoga no Ocidente. Ela é realizada deixando as pernas cruzadas e cada pé sobre a coxa contrária (pé direito na coxa esquerda e vice-versa). É difícil de realizar no começo, pois requer muita flexibilidade nas pernas, assim como força nas costas, que deve ser mantida ereta.

Postura da criança

Essa postura é muito mais acessível e também serve para a meditação. Para realizá-la, estando sentado sobre os joelhos, deve-se inclinar o corpo para frente, de forma que a coluna vertebral fique curvada e relaxada. Em seguida, deve-se colocar os braços para trás e apoiar a testa no chão.

Postura da cobra

Outra postura bastante famosa do yoga é a postura da cobra. Para realizá-la, deve-se deitar de barriga para baixo e, em seguida, apoiando as mãos no chão na altura dos ombros, elevar o tronco e o quadril, se possível. Não é uma postura fácil e requer muita força em todo o tronco (músculos abdominais centrais, laterais e lombares).

Mulher fazendo hatha yoga

Postura do arco

Para fazer essa postura, deve-se deitar de barriga para baixo, dobrar os joelhos e segurar os tornozelos por cima do corpo, de forma que os braços e as pernas fiquem elevados. Também não é uma postura fácil, mas ajuda a fortalecer os músculos das costas.

Se quisermos que seja correta, a prática do hatha yoga costuma envolver, primeiro, uma fase de aquecimento, com posturas como a saudação ao sol. Em seguida, a prática de ásanas e, por fim, uma meditação.

Os benefícios do hatha yoga

Esse tipo de yoga traz muitos benefícios. É por isso que é uma prática tão difundida na nossa sociedade.

  • Primeiramente, não precisa de preparação física prévia. Por isso, é acessível a todas as idades, sexos e constituições físicas.
  • Também é uma maneira muito boa de aumentar ou conservar a nossa elasticidade, já que a prática de ásanas é lenta e controlada.
  • Ao mesmo tempo, beneficia a força e a tonificação muscular, já que em muitas das posturas utilizamos músculos que não costumamos treinar.
  • Quando se atinge um maior controle, a prática pode nos ajudar a aumentar a capacidade pulmonar, já que os exercícios de respiração são uma parte importante dessa prática.

O hatha yoga é, portanto, um exercício muito completo, que nos ajuda a treinar todo o nosso corpo de formas muito distintas. Graças a essa prática, além de nos exercitarmos, também podemos aliviar ou controlar lesões, reduzir o estresse e aumentar o bem-estar.